Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Notícias Abras

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Notícias Abras

20/03/2018 17:53 - De olho no varejo chinês

 

Giseli Cabrini, Rio de Janeiro

 

Consultor digital, Mathew Brennan

 

Os caminhos e apostas de gigantes do comércio chinês estiveram em pauta durante a palestra do consultor digital, Mathew Brennan, realizada nesta terça-feira (20), durante a 52ª Convenção Abras. Na ocasião, o especialista compartilhou diversas práticas adotadas pelo Alibaba e outros players asiáticas que os têm posicionado na vanguarda no uso de tecnologias a fim de proporcionar uma experiência de compra revolucionária para os clientes.

 

O Alibaba, conforme relatou, entende que o comércio eletrônico está rapidamente se transformando no “novo varejo”, cujo limite entre o comércio on-line e off-line desaparece quando o foco está no atendimento personalizado das necessidades de cada consumidor. Nessa direção, desde 2015, a Alibaba tem investido neste conceito e estabelecendo parcerias com lojas de departamento, eletroeletrônicos e móveis, além de shopping centers e supermercados, para oferecer cada vez mais soluções para as pessoas.

 

Outro exemplo de “novo varejo” parte da bandeira Hema, que está sob o guarda-chuva da Alibaba. Trata-se de um modelo híbrido que não se encaixa nas definições tradicionais de supermercado, loja de conveniência, restaurante e hortifrúti, mas que opera com o melhor da experiência de compra que cada um destes formatos tem para oferecer aos seus clientes. Em suas lojas físicas, entre as facilidades, estão esteiras transportadoras, sistema de delivery que utiliza sacolas de entrega individualmente identificadas por meio de código de barras e preparo de refeições dentro do ponto de venda. Nesses estabelecimentos, a praça de alimentação e estandes ocupam 30% da área de vendas. Outras sessões com mais espaço são aquelas destinadas a frutas e verduras (20%) e frutos do mar (15%).    

 

Nas unidades da bandeira 7Fresh, que pertence à JD.com, além do uso massivo de QR Code, carrinhos inteligentes seguem os consumidores e são capazes de desviar de obstáculos e guiá-los para o destino desejado dentro das lojas. Há também scanners equipados com biometria facial e telas que informam não só o local de origem, mas os componentes nutricionais dos alimentos. Os frutos do mar, que ainda estão vivos, podem ser preparados dentro do ponto de venda e as sobras são acondicionadas e entregue na casa do cliente. Na cafeteria, é possível ter selfies tiradas pelo consumidor reproduzidas na espuma do café que ele vai beber.

 

Já o formato de loja de conveniência criado pela chinesa BingoBox prevê a integração entre inteligência artificial e automação. Localizada na cidade de Zhongshan (sul da China), não demanda muitos funcionários, fica aberta 24 horas e está conectada à maior plataforma de mensagens do país, o WeChat. Tanto a operação da loja quanto a experiência de compra são realizadas por meio de tecnologia digital, ampliando a segurança, proporcionando o controle inteligente de estoques, facilitando a reposição, evitando furtos, dispensando a necessidade de atendentes de caixa, dentre outros benefícios. “É o conceito de conveniência para todos, desde o consumidor até o empresário”, observou Brennan.

 

Pagamento mobile

 

O consultor também relatou como os chineses estão lidando com os novos meios de pagamento. Segundo ele, o uso de dinheiro físico na China está quase chegando ao fim. “Quase 90% das pessoas não utilizam mais esse meio de pagamento e preferem usar o celular”, revelou.

 

Por essa razão, provedores de serviços de pagamento que permitem aos clientes realizar transações diretamente em seus dispositivos móveis, como Alipay e Wechat Pay, que detém, respectivamente, 54% e 40% de market share, já respondem por 67% das transações financeiras, enquanto 22% são realizadas por cartões de débito e crédito e 11% em dinheiro. “É a revolução cashless”, destacou Brennan.

 

A 52ª edição da Convenção ABRAS acontece, no Riocentro, no Rio de Janeiro, até 21 de março. O evento, considerado um dos maiores encontros de líderes supermercadistas do Brasil, traz como tema em 2018 "ABRAS Essencial". A programação inclui palestras nacionais e internacionais, Bloco do Conhecimento, além da ABRASTECH - Feira e Exposição de Tecnologia, com tendências e soluções para o autosserviço.

 

Giseli Cabrini é repórter especial da revista SuperHiper.

 

 

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

16/10/2018 11:27 - Presidente da AGCO participa do 3º Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio
15/10/2018 16:25 - 32ª Superminas começa amanhã na capital mineira
11/10/2018 16:12 - Presidente da ABRAS participa da abertura da 21ª edição da SuperNorte
11/10/2018 12:07 - Em parceria, supermercados abrem espaço para produtos da agricultura familiar da PB
09/10/2018 15:58 - ABRAS e Unilever promovem Prêmio Mulheres que Inspiram no Varejo
09/10/2018 14:28 - Convenção de Supermercados da Região Norte começa amanhã em Belém
05/10/2018 16:35 - Evento na ABRAS debate influência do marketing digital e do e-commerce nas vendas
02/10/2018 12:58 - ABRAS comemora meio século de história no dia 8 de novembro
01/10/2018 11:56 - Vendas crescem nos mercados
01/10/2018 11:56 - Vendas nos supermercados

Veja mais >>>