Notícias do setor
Economia
Jurídico
Tecnologia
Marketing
Bebidas
Carnes / Peixes
Notícias Abras
Geral
Redes de Supermercados
Sustentabilidade
 
Você está em:
  • Notícias do setor »
  • Notícias Abras

Notícias do setor - Clipping dos principais jornais e revistas do Brasil

RSS Notícias Abras

19/03/2018 14:42 - Produtos da cesta básica devem subir acima do IPCA em 2018

  

 

 

O ano de 2017 fechou com uma queda acentuada nos principais produtos que compõem a cesta Abrasmercado,  medida pela GfK para a Associação Brasileira de Supermercados. De acordo com estudo, divulgado hoje (19), em coletiva de imprensa, na 52ª Convenção ABRAS, no ano passado, a queda média anual sofrida pelas 35 categorias medidas foi de -7,1%.

 

Porém, alguns produtos, como feijão, por exemplo, caiu 39,2%, a maior queda, seguido pelo arroz, -20,2%, e o açúcar -17,0%. Isso fez com que o preço do Prato Feito do brasileiro, o famoso PF, composto por arroz, feijão, batata, tomate e bife (carne ou frango), tenha tido uma queda de 14,3% em 2017.

 

Para Marco Aurélio Lima, diretor da GfK e coordenador da análise, a principal justificativa para este desempenho negativo foi a forte deflação em alguns produtos. “Em certos casos, voltamos aos preços praticados em 2015. A safra recorde de 2016/17 gerou uma grande oferta de produtos no mercado. Isso fará com que haja uma tendência de recuperação um pouco acima da inflação, ao longo de 2018, naqueles produtos com perdas maiores”, observa Lima.

 

Ainda na opinião do executivo, este efeito deverá acontecer em todas as macrorregiões do País. “Existem produtos com grande possibilidade de subirem bem acima da inflação para recuperarem as margens que ficaram comprometidas. É o caso do leite e seus derivados, por exemplo. Outros, como o feijão, que sofreu uma queda muito expressiva, também devem ter um aumento maior”, prevê Lima.

 

De acordo com o estudo, o preço médio do PF no País caiu 8,5% em 2017 e abriu 2018 em R$ 7,58. A Região Norte registrou o preço mais alto do Brasil, chegando a R$ 9,72; e a que teve o valor mais baixo foi a Sudeste com R$ 6,64. “O prato feito do brasileiro deve subir um pouco acima da inflação, muito puxado por uma recuperação nos preços das carnes, que também registraram quedas acentuadas em 2017”, afirma o executivo.

Além disso, destacamos o preço do PF Caseiro na Grande RJ, que foi de R$ 5,97 em janeiro, um valor bem abaixo da média nacional.

 

Convenção ABRAS

 

A 52ª edição da Convenção ABRAS acontece de 19 a 21 de março, no Riocentro, Rio de Janeiro. O evento, considerado um dos maiores encontros de líderes supermercadistas do Brasil, traz o tema "ABRAS Essencial", e debaterá a essencialidade do setor supermercadista no País. A programação inclui palestras nacionais e internacionais, Bloco do Conhecimento, além da ABRASTECH - Feira e Exposição de Tecnologia, com tendências e soluções para o autosserviço.

Este ano, a Convenção ABRAS será realizada em parceria com a Associação de Supermercados do Estado do Rio de Janeiro (ASSERJ), durante a 30ª edição da Super Rio Expofood.

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação da GfK/ABRAS

 

 

Enviar para um amigo
Envie para um amigo
[x]
Seu nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Comentário
 

 

Veja mais >>>

15/08/2018 17:02 - Perdas do setor supermercadista somaram R$ 6,4 bilhões em 2017
15/08/2018 11:03 - UNECS realiza Diálogo com os candidatos à Presidência da República em Brasília
15/08/2018 08:20 - Geraldo Alckmin quer zerar déficit primário em dois anos
14/08/2018 19:19 - Fernando Haddad participa do Diálogo UNECS representando a candidatura do PT
14/08/2018 19:04 - Henrique Meirelles no Diálogo Unecs: Precisamos restaurar a confiança no governo
14/08/2018 18:43 - Ciro Gomes fala sobre reforma tributária em evento da Unecs
14/08/2018 18:41 - Álvaro Dias fala em guerra contra atual modelo político
10/08/2018 10:09 - Fórum ABRAS de Prevenção de Perdas e Desperdício de Alimentos acontece no próximo dia 15
07/08/2018 14:48 - UNECS promove diálogo com candidatos à presidência da República
02/08/2018 15:50 - Mesmo com queda em junho, supermercados crescem 2% no semestre

Veja mais >>>