(411)
Associações Estaduais
» Notícias
Apresentação
Contatos
 
Você está em:

Abras

Vendas na Zona da Mata ficam abaixo da média estadual 10/07/2018 17:08:18

 

Os supermercados da Zona da Mata apresentaram, em maio, crescimento inferior à média mineira na comparação com o mês anterior. Conforme balanço divulgado pela Associação Mineira de Supermercados (AMIS), enquanto os estabelecimentos mineiros cresceram, em média, 2,32%, o setor em Juiz de Fora e região apresentou alta de 1,45% em igual período avaliado. O desempenho só não foi pior do que o verificado no Sul do estado (0,89%).

 

Os dados do Termômetro de Vendas apontam ainda que, no acumulado do ano até maio, o setor mineiro apresenta crescimento de 2,63% ante igual período de 2017. Na comparação de maio com igual mês do ano anterior, o desempenho é maior: 5,44%. Os resultados estão deflacionados pelo IPCA/IBGE.

Conforme a AMIS, para boa parte dos supermercadistas, o resultado pode ser atribuído à corrida do consumidor às lojas no início da greve dos caminhoneiros, temendo o desabastecimento no setor. A avaliação é que a greve dos caminhoneiros, que aconteceu de 21 a 30 de maio, afetou de forma bastante heterogênea as empresas e as regiões do estado.

 

O Sul e a Zona da Mata foram as regiões que apresentaram desempenhos mais fracos, avalia a entidade. “Isso confirma o que a AMIS vinha divulgando durante a paralisação, que as regiões cortadas pelas rodovias de maior movimento e, portanto, com mais bloqueios, estavam tendo mais dificuldades de abastecimento.”

 

Já a Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) registrou crescimento real de 3,46% em maio na comparação com abril e alta de 4,71% ante igual mês de 2017, de acordo com o Índice Nacional de Vendas apurado pelo Departamento de Economia e Pesquisa da entidade nacional. No acumulado do ano (janeiro a maio), o setor registrou 1,92% de crescimento na comparação com igual período de 2017.

 

De acordo com o presidente da ABRAS, João Sanzovo Neto, o resultado acumulado dos supermercados em maio aponta para uma estabilidade do setor. “Tivemos um ligeiro crescimento de 0,17 ponto percentual em relação ao acumulado até abril, já esperado devido ao cenário econômico do país anterior à paralisação dos caminhoneiros.” Na sua opinião, as vendas de maio não foram impactadas pela paralisação, que se concentrou mais no final do mês. Sanzovo espera impactos maiores nos dados referentes a junho.

 

Fonte: Tribuna de Minas

 



 

Últimas

» Marcos Piangers será o palestrante no espaço Agas Jovem da Expoagas 2018 13 de Julho 2018, 16h05
» APAS: Vendas nos supermercados têm crescimento de 10% em maio 13 de Julho 2018, 12h20
» ACATS: Maio apresenta vendas positivas nos supermercados catarinenses 11 de Julho 2018, 20h03
» Vendas na Zona da Mata ficam abaixo da média estadual 10 de Julho 2018, 17h08
» Inscrições abertas para a Expoagas 2018 05 de Julho 2018, 17h56
» ASSERJ conquista liminar favorável contra os requisitos da Lei nº 7.505/2017 05 de Julho 2018, 14h12
» Morre ex-presidente da Associação Paulista de Supermercados 05 de Julho 2018, 12h58
» APAS: Vendas de cerveja e carne nos supermercados disparam durante a Copa do Mundo 03 de Julho 2018, 18h14
» Confiança do setor supermercadista com o futuro desaba após greve dos caminhoneiros 02 de Julho 2018, 17h54
» Empresários do setor de supermercados mostram preocupação 02 de Julho 2018, 12h48

Ver mais »